Destaques Economia

Desempregados criam alternativas contra a crise

O cenário econômico pode parecer desfavorável para alguns, mas os empreendedores conseguem encontrar novas alternativas e opções para investirem em meio a atual crise. Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE), a população de desempregados subiu para 11,4 milhões e bateu o recorde, comparada com o mesmo período de 2012.

Estatísticas apontam que três a cada dez brasileiros que perdem o emprego desistem de voltar para o mercado formal de trabalho. Eles aproveitam que estão com o dinheiro da indenização, do fundo de garantia e tempo, para investirem no seu próprio negócio. No entanto, especialistas orientam que é preciso fazer uma pesquisa para não investir errado e ter prejuízo financeiro.

Esse foi o primeiro passo do casal Jane e Lenon Araújo, de Carpina, que resolveram investir após ficarem desempregados. Após uma análise de mercado, eles passaram a investir no setor alimentício. Há dois meses a barraca de churros, na praça da cidade, atrai centenas de clientes diariamente. “Priorizamos em realizar um bom atendimento. Nosso bolo de churros é o diferencial, e a entrega em domicílio fez as encomendas crescerem”, explica Jane.

Com o sucesso da iniciativa, Lenon Araújo destaca os benefícios de ter seu próprio negócio, como flexibilidade de horários, maior remuneração e a satisfação pessoal.

Diante do cenário de crise, a economia se retrai, as pessoas gastam menos e os empreendedores precisam usar a criatividade para, no mínimo, tentar manter o mesmo ritmo de vendas. Essa foi a alternativa encontrada pelo casal que, de forma criativa, investiu em um segmento que atrai uma rotatividade expressiva diária de clientes e um lucro também maior. “Estou muito satisfeita com o nosso empreendimento. Em pouco tempo já conseguimos fidelizar nossos clientes e fazemos planos promissores”, conta confiante Jane Araújo.

 

Deixe um comentário